500dias
Lori Baroni Bósio • ago 11 • 2 minutos para ler

10 passos para começar a planejar o seu casamento

Eu não sabia por onde começar, mas já está na hora de tomar decisões e ser uma noiva prática! Espero que essa to-do list ajude!

Quando comecei a escrever esta coluna, faltavam mais de 500 dias pro meu casamento. Até agora, falei muito dos sentimentos, das emoções e fiz declarações de amor. Mas está chegando a hora de pensar no casamento NA PRÁTICA.

Eu e o Lu já demos alguns passos importantes: listamos nossos quase 200 convidados, definimos o orçamento e fechamos o espaço que, como contei em outro post, inclui bufê, decoração e DJ (um pacote salva-vidas do Jardim Leopoldina, em São Paulo).

A antecedência de um ano me traz tranquilidade, mas, ao mesmo tempo, não dá pra ficar parada! Os meses passam rápido demais e tem MUITA coisa pra decidir até o grande dia (que delícia!).

Quem me conhece sabe que eu amo receber e organizar eventos. Seja o aniversário de uma amiga, seja um jantarzinho despretensioso, sempre tento arrumar a casa de um jeito especial. Na redação da Revista CLAUDIA, dirijo e cuido de cada detalhe visual dos editoriais de gastronomia do caderno de Casa & Cozinha. Coordeno um time talentoso de colaboradores, fotógrafos e produtoras. Traduzir ideias e conceitos através da fotografia é meu momento de maior realização! E não poderia ser diferente com meu casamento. Vai ser meu maior projeto até então!

Com essa responsabilidade toda, é claro que a escolha dos fornecedores será essencial. E, por mais que a gente saiba qual é o estilo da festa que queremos, precisamos achar quem consiga realizá-la, de fato.

Sendo sincera, eu não fazia ideia por onde começar! Algumas coisas são óbvias, mas, no meio do caminho, vão surgindo questões que eu nem imaginava… e é fácil se perder no meio de tantas tarefas.

Semana passada, vi uma luz no fim no túnel, quando as meninas do Blog Lápis de Noiva, em parceria com a Casa de Dois Assessoria, organizaram um evento maravilhoso chamado Next Wedd, que aconteceu justamente no Jardim Leopoldina, nosso lugar escolhido. Participei de várias palestras esclarecedoras e comoventes durante um dia inteiro de programação. E o que eu mais amei foi que, apesar de as emoções estarem à flor da pele, consegui traçar uma to-do list bem objetiva, que vou dividir com vocês a seguir.

Acho que ela vai servir de pontapé inicial para todo o resto e espero que ajude também os noivos passando por aqui!

1. Fique noiva de uma pessoa que abale as estruturas do seu mundo
Conheci o Lucas pelo Tinder e não precisamos de muito tempo pra decidir que queríamos passar o resto da vida juntos!

2. Definam uma data especial
Escolhemos nos casar na mesma data que os meus avós maternos: dia 6 de outubro, que, por acaso, cai em um sábado em 2018. O fato de “emprestarmos a data” desse casal tão importante em nossas vidas vai tornar o dia mais especial ainda!

3. Façam a lista de convidados
Comecem com uma lista abrangente, colocando TODOS que gostariam de convidar. Com o tempo, vocês poderão editar e fazer cortes, caso seja necessário.

4. Determinem o orçamento total conversando com pais e familiares
Nessa hora, vale ter uma conversa sincera. Quanto vocês tem disponível e quanto imaginam gastar? O mercado de casamentos é ilimitado – isso quer dizer que tem solução pra todos os gostos e bolsos!

5. Definam o estilo que preferem
Pode ser clássico, moderno, rústico ou uma mistura de todos esses estilos! A dica mais importante: seja você mesma! Não se deixe influenciar demais por modinhas ou tendências e não faça o que seus parentes ou amigos esperam – a festa tem que ter a cara do casal e mais ninguém! Pra ajudar na escolha, ponham seus poderes de Pinterest em ação! Eu escolhi reunir as minhas referências preferidas em uma conta de Instagram – siga em @500diaspracasar.

6. Visitem lugares e fechem o local do casamento
É super importante pesquisar e, sempre que possível, visitar os espaços pessoalmente. Além de entender melhor a dinâmica do local, você vai poder sentir a vibe e ver como você se sente em cada um – o que, pra mim, é fundamental!

7. Definam quais são as prioridades da festa
Eu, com certeza, dou mais importância para decoração e fotografia. Já o noivo gosta de fexxxta – então bora investir no bar e nas bebidas! Talvez você queira priorizar uma experiência gastronômica incrível ou arrasar no vestido dos sonhos. O que importa é saber exatamente no que vocês vão investir mais pra poder compensar nos outros gastos – esse é o segredo do seu planejamento financeiro!

8. Peça orçamentos e analise os contratos com cuidado
Cada item da festa vai precisar da sua atenção. É comum chegar a ter 25 fornecedores diferentes para uma única festa. Uma assessora é muito bem-vinda nessa hora!

9. Feche os fornecedores exclusivos primeiro, depois os mais caros
Alguns fornecedores só fazem uma festa por dia: geralmente é o caso do fotógrafo, banda ou DJ. Se essa for uma das suas prioridades, feche com eles primeiro. Depois, prefira fechar os valores maiores – decoração e buffet, por exemplo.  Assim, vocês terão mais tempo pra parcelar o pagamento e terão uma noção melhor do montante disponível.

10. Curta muito todo esse processo e nunca, mas nunca, esqueça o por quê de tudo isso!
Estamos celebrando o AMOR – da família, dos amigos e entre os noivos. Não briguem durante os preparativos. Saiba ouvir as pessoas ao seu redor. Afinal, você não vai se casar sozinha e elas também têm ideias bacanas pro seu grande dia.

A celebrante Márcia Henz, propõe, pra quando o nervosismo apertar, lembrar: “Qual era o sentimento quando você e seu noivo decidiram se casar?”. Fiz esse exercício durante o evento e garanto que seu coração vai, imediatamente, derreter e tudo vai fazer sentido! Se a ansiedade, mesmo assim, não passar, assista ao vídeo abaixo. É infalível.

Comentários

Deixe o seu comentário!

©2021 #500diaspracasar | Desenvolvido com carinho por Agência Neon