500dias
Lori Baroni Bósio • jul 07 • 2 minutos para ler

Você sabe o que é fotografia fine art?

Saiba mais sobre esse estilo que está bombando nos casamentos lá fora e confira aqui o primeiro editorial do 500diaspracasar

Quando me casei com o Lucas, em outubro do ano passado, decidimos celebrar no final da tarde e deixar a festa rolar noite adentro. Acabei ficando pronta por volta das 18h e o sol já havia se posto. Não tive tempo de tirar fotos à luz do dia com as minhas madrinhas como havia planejado. Óbvio que isso não me impediu de aproveitar cada minuto do nosso Grande Dia, mas, meses depois, eu continuava pensando: “e se eu pudesse me casar de novo? Será que faria tudo diferente?” E quando eu coloco uma coisa na cabeça… minha amiga, não consigo sossegar até tirar do papel! Essa inquietude me motivou a produzir conteúdo com alma e trazer novas propostas pro universo dos casamentos!

Através do Instagram, conheci Lara e Raul, da Sonhos Altos Fotografia e, no mesmo instante, sabia que havia encontrado a dupla que traria minhas visões à vida. Contei a eles sobre a minha ideia de recriar o dia do meu casamento e eles toparam participar. Será que era o que eu precisava pra, finalmente, realizar todos os meus sonhos de noiva?

Há tempos admirava um conceito especial de fotografia, muito presente nos portfolios de fotógrafos gringos. O termo fine art tornou-se uma palavra-chave que muitos fotógrafos de casamentos usam pra descrever seus estilos. A realidade é que não existe uma definição universal. Mas, pra simplificar, um fotógrafo fine art capta fotos que podem ser consideradas arte visual e são mais conceituais por natureza. Pra não cair em uma resposta vaga, uma pergunta melhor é: “O que um fotógrafo de casamento fine art pretende produzir?”

Pra começar, esse tipo de fotografia de casamento artística começa com um conceito visual claro. São imagens produzidas com uma narrativa específica em mente, com atenção especial à luz, ao fundo e à composição. Essa abordagem é diferente do fotojornalismo, já que a prioridade de um fotojornalista é registrar objetivamente um evento, sem interferências artísticas.

Muitas vezes, o estilo fine art é produto de imagens produzidas como antigamente, em filme. Esse meio oferece mais controle de luz e grão, permitindo criar moods diferentes – com fotos sombrias e dramáticas ou leves e arejadas. Mas, claro, hoje em dia, as imagens digitais também podem ser processadas pra simularem a aparência do filme. Isso permite que fotógrafos trabalhem tanto em filme, quanto em mídias digitais, ou mesclando as duas técnicas, os chamados de “híbridos”. No entanto, é importante ressaltar que não é o meio em si (filme ou digital) ou equipamento de câmera que define se um trabalho é fine art, mas, sim, a estética e a abordagem com enfoque design e direção de arte.

Com o objetivo de criar algo nesse caminho, preparei um moodboard e compartilhei o conceito com uma talentosa equipe de fornecedores de casamento. Estava lançado o desafio de fotografar o primeiro editorial do 500diaspracasar! O objetivo era contar uma história de amizade, de delicadeza, com muitos detalhes cheios de personalidade! Todos se uniram pra criar algo que fosse inspirador. Até o tempo colaborou! Fomos surpreendidos por um pôr do sol em uma semana chuvosa e tudo ocorreu na mais perfeita sincronia.

Quem aí está planejando um evento sabe o quanto casar em uma cidade grande pode ser complicado. Quando você vive cercada por uma selva de pedra, parece que automaticamente passa a apreciar mais o campo e as paisagens bucólicas. Por sorte, encontrei a Fazenda Embauva e decidi fugir de vez da correria de São Paulo. O espaço não é apenas lindo por si só, com suas colinas e estábulos, mas também oferece uma infra-estrutura maravilhosa pra quem deseja casar na fazenda. Foi o cenário perfeito pra história que queríamos contar!

Vesti mais uma vez o meu vestido de noiva. A designer Carol Hungria criou o modelo a partir de ideias que eu havia guardado ao longo dos anos. O decote transpassado, mais moderno, equilibrou super bem as diversas camadas de tule em estilo princesa. Os apliques de renda em forma de raminhos descem do corpo e salpicam suavemente a saia. Costurado à mão na barra, em fios azuis, está a data do nosso casamento e o título da música que tocou quando saímos da cerimônia – “This Will Be (An Everlasting Love)”, de Natalie Cole. 

Uso meu anel de noivado quase todos os dias e não poderia deixar de usa-lo nessa ocasião especial. Lucas desenhou ele mesmo, com um topázio suíço, e fez o pedido de casamento enquanto estávamos de férias em Nova York. No Top of The Rock Observatory, ele me disse que queria que todos os seus futuros projetos de vida fossem comigo! Claro que eu disse sim! Tempos depois, quando estávamos pensando sobre nossas alianças de casamento, eu disse a ele que queria algo que se encaixasse no anel de noivado e ele desenhou essa forma curva, usando a mesma pedra. A caixinha e as joias renderam lindos registros que trazem o espírito fine art! Não deixe de replicar essas fotos no dia do seu casamento com os seus acessórios preferidos.

Minhas madrinhas de casamento sempre topam minhas ideias e claro que estavam comigo pra este ensaio. Os vestidos leves e esvoaçantes da Fleur caíram como uma luva neste cenário bucólico.

Queria que minhas amigas se sentissem lindas nesse dia! Elas foram tão incríveis durante o meu planejamento do meu casamento e eu nunca seria capaz de agradecê-las o suficiente. A maquiadora Beatriz Barros fez com que cada uma de nós se sentisse bonita e como nós mesmas. Veja mais sobre como arrasar na maquiagem aqui.

O Atelier Girardi preparou uma linha exclusiva de acessórios de cabelo pro nosso editorial. As peças complementaram perfeitamente nossos penteados. Quase morri quando vi o véu rosa blush, salpicado de pérolas! Me senti absolutamente perfeita usando ele. Veja aqui mais dicas com a designer à frente do atelier.

Sinhá Flor mostra aqui uma proposta cheia de vida pros buquês, arrematados com fitas artesanais da Chloe Studio. E tem muito mais por vir! Sejam bem vindas ao 500diaspracasar!

Acessórios e véu: Atelier Girardi

Alianças de casamento: design do noivo, produzido por Alfredo Gattai

• Beleza: Beatriz Barros

Direção de arte e realização: 500diaspracasar

• Espumante: Freixenet

• Fitas de seda: Chloe Studio

• Flores: Sinhá Flor

• Fotografia: Sonhos Altos Fotografia

• Locação: Fazenda Embauva

Vestido das Madrinhas: Fleur

Vestido de Noiva: @carolhungriaoficial

Comentários

Deixe o seu comentário!

©2021 #500diaspracasar | Desenvolvido com carinho por Agência Neon